COVID-19: COMÉRCIO DEVE TAMBÉM PROMOVER AS VENDAS NO ESPAÇO PUBLICO

COVID-19: COMÉRCIO DEVE TAMBÉM PROMOVER AS VENDAS NO ESPAÇO PUBLICO

A NERC – Associação Empresarial da Região de Coimbra através da sua Direção enquanto entidade que defende e luta pelos interesses do tecido empresarial da Região de Coimbra reafirma o seu plano de retoma e de reforço das atividades económicas “REVITALIZAR PARA COMPETIR” que apresentou às Câmaras Municipais e à própria CIM da Região de Coimbra e, desde já, dar força e motivação a todas as empresas que estão a regressar à atividade económica quer seja em Coimbra quer nos municípios da Região de Coimbra .

Neste mesmo sentido, e assumindo a sua responsabilidade de governança local da ‘coisa pública’, a Câmara Municipal de Coimbra e outras Câmaras da Região de Coimbra apresentaram como medidas de apoio, e citando “o isentar, até ao fim do ano as taxas pela ocupação do espaço público e de publicidade em todos estabelecimentos comerciais“.

Considera a NERC que é fundamental que os restaurantes e similares ocupem o espaço publico para mobilizarem os seus serviços, executarem um melhor serviço ao cliente, aproveitando o bom tempo que se aproxima.

Deve assim também o comércio tradicional mobilizar igualmente iniciativas de poder vender no espaço publico frontal ao seu espaço comercial, mobilizando e promovendo os saldos nesta época, aprovados em Decreto-lei pelo Governo e promovendo assim os seus produtos num ambiente aberto, limpo e saudável, de contacto direto com o público.

A justificação destas iniciativas é o momento difícil que as empresas do comércio tradicional bem como a áreas da restauração e similares da Região de Coimbra passam para manter a atividade e o emprego, sendo assim, devem estes setores de usufruir do direito de ocupar o espaço público e da isenção de taxas.

Sendo assim vem em nome dos associados da NERC e das empresas e empresários de Coimbra que no caso de mobilização destes pressupostos se verifiquem as regras da DGS em vigor e se tomem as seguintes medidas urgentes:

MEDIDAS URGENTES A CONSOLIDAR NA RETOMA ECONÒMICA DA RESTAURAÇAO E DO COMERCIO, 

1 – A NERC em nome dos empresários de Coimbra solicita aos municípios o apoio a esta atuação de um maior apoio à mobilização do comercio e do turismo neste momento de retoma económica, cedendo o espaço público para que promovam mais atividade comercial dando mais confiança a todos os consumidores, criando a figura de “centros comerciais a céu aberto” nas zonas centrais e históricas.

2 – A NERC em nome dos empresários solicita ao município de Coimbra e aos municípios da Região, lançamento de programas de retoma e revitalização da atividade económica (REVI.PROCOM) orientados que promovam o aumento do consumo nas atividades comerciais dos centros das cidades e do comércio tradicional de rua, dos restaurantes e similares, em parcerias com as associações empresariais, sugerindo desde já um programa piloto na “BAIXINHA DE COIMBRA”

3 - Os empresários de Coimbra solicitam que os municípios da Região de Coimbra implementem uma campanha de promoção, dando privilégio aos canais digitais, nomeadamente redes sociais e dirigida aos consumidores estimulando a compra no comércio e no turismo local, e a escolha de produtos portugueses.

Aos empresários de Coimbra a NERC vem transmitir que podem contar connosco na luta pelo futuro do tecido empresarial no âmbito da nossa missão, na defesa da competitividade da Região de Coimbra e, se assim o entenderem, em união de esforços com todas as medidas que a apoiem, na convicção da nossa divisa de que “JUNTOS SOMOS MAIS FORTES” e que lutaremos em todos os palcos pelo apoio neste momento critico porque passam todas as empresas do Concelho e da Região de Coimbra 

A Direção da NERC - Associação Empresarial da Região de Coimbra

e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. | telefone 239 497 736 | Skype Geral NERC